Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

© busy as a bee on a rainy day

e se, de repente, o respondemos a um how are you e só nós pescámos a piada (as abelhas não voam quando chove) e vêmos que é um título fantástico para um blogue! pois.. cá estou então!

© busy as a bee on a rainy day

27
Jun19

o passado não é um lugar de residência

Ana de Deus

quando for capaz, quero segurar as tuas mãos e dizer: amo-te. sem monólogo, nem desvios. simplesmente: amo-te. sem expectativas, nem hesitações. eu sei que o meu tempo já passou. sei que precisei de quase duas décadas para perceber que, em cada encantamento, andei sempre à tua procura. que encontrava pedaços de ti e o meu coração acreditava que era um amor real. tu és o meu amor real. foste sempre tu! encontrei o silêncio e iludi-me que era igual à tua genialidade. e nesse relacionamento conheci a solidão. encontrei o perfil do teu rosto e iludi-me que era igual à tua personalidade. e nesse relacionamento conheci a violência. éramos tão novos! desencontrámo-nos no primeiro encontro. no segundo já era tarde. enviaste-me o meu epitáfio! lembras-te? se calhar estavas a brincar! eu morri nas tuas palavras. e tu nunca percebeste. nunca quiseste conversar sobre nós quando nos desencontrámos pela segunda vez. foi quando comecei à tua procura fora de ti. 

22
Jun19

duas abelhas na esplanada #1

Ana de Deus

há um mês criei uma tradição nova: brunch em casa ao domingo.. um verdadeiro deleite. no sábado passado pensámos em ir à pastelaria Itaipú mas só acabámos por ir hoje. os pastéis de queijo eram uma perdição apesar de os sumos em tempos serem razão suficiente para a viagem. e como o dia estava prazeroso ainda passeámos pelo mercado Porto Belo, que é um misto de produtos biológicos e arte. está ainda melhor do que eu me lembrava. a pastelaria Itaipú foi uma decepção. e só havia duas abelhas na esplanada: nós! experiência a não repetir. 

18
Jun19

literalmente: hoje chove!

Ana de Deus

escrevo-vos no refúgio da colmeia doce colmeia.. continuo a ligar o aquecedor à noite, sobretudo para a minha gata que tem 16 anos. ela fica tão feliz quando o quarto está quentinho. vê-se naquela entrega com que os felinos dormem quando se sentem seguros. 

17
Jun19

serão os meus quinze segundos de fama?

Ana de Deus

ora pensem comigo! e se o motivo do título deste blogue for como aqueles sucessos musicais que nos faziam comprar o cd só por causa de uma canção! um enorme obrigada a quem destacou este recém-nascido. é um incentivo e uma responsabilidade!

16
Jun19

© Manifesto desta Abelha

Ana de Deus

AMO

os artistas, os magos, os alquimistas.

a inocência nas crianças grandes.

a sabedoria das crianças pequenas.

 

ACREDITO

que nada acontece por acaso.

que as relações têm alma.

que tu e eu somos eternas.

 

GARANTO

sonhar acordada.

recriar os dias felizes.

reinventar a alegria.

 

PROMETO

dar o meu todo.

ser quem nasci para ser.

cozinhar escrita criativa.

 

CONVIDO

a apreciar. a partilhar.

sozinha vou mais depressa.

unidas chegamos mais longe.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pág. 1/2

mais sobre mim

foto do autor

arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

wook vais ler a seguir?

Toshikazu Kawaguchi Henry David Thoreau

a livraria mais antiga do mundo, desde 1732