Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

© busy as a bee on a rainy day

e se, de repente, o respondemos a um how are you e só nós pescámos a piada (as abelhas não voam quando chove) e vêmos que é um título fantástico para um blogue! pois.. cá estou então!

© busy as a bee on a rainy day

19
Set21

desafio 30 dias de escrita | uma tarde de domingo #19

Ana de Deus

© ninho de escritores

tenho doze anos. ainda há estações do ano com tudo o que as distingue. chove. o meu pai vai a uma pastelaria famosa, nos arredores, comprar miniaturas de bolos e biscoitos com uma metade coberta de chocolate, para o lanche. a minha mãe prepara o chá preto. adoro o bule, branco nacarado, e temos um abafador que imita um gato deitado, no meio da mesa, a que a nossa gata bufa sempre. é uma risota. pômos a mesa, com pires, chávenas e colheres de chá. o aquecedor a gás torna a sala mais acolhedora, apesar da pouca luz da tarde.

texto no âmbito do desafio 30 dias de escrita.

18
Set21

desafio 30 dias de escrita | uma pergunta intrigante #18

Ana de Deus

© ninho de escritores

o que é que nasceu primeiro? o ovo ou a galinha!? gostava de saber a vossa opinião..

eis a minha: a galinha! pois é preciso chocar o ovo. o que significa que o galo nasceu de uma costela da galinha. ou então, no início todas as espécies eram hermafroditas, e quando a população de cada raça começou a proliferar, uns foram assumindo o papel de machos e outras de fêmeas. que é o que me parece mais lógico. por isso ainda nascem humanos hermafroditas e ainda há outras espécies que o são sempre, vivendo onde a sobrevivência é mais difícil.

texto no âmbito do desafio 30 dias de escrita.

17
Set21

desafio 30 dias de escrita | um gesto inspirador #17

Ana de Deus

© ninho de escritores

quando eu estive doente e uma vizinha me trouxe sopa para alguns dias. ela queria dar-me força, demostrar o seu apoio, e teve um dos gestos mais aconchegantes que alguma vez alguém teve comigo. levou-me ao hospital e ficámos a saber que há um ossinho flutuante no nosso ouvido interno que por vezes sai do sítio e nos provoca uma sensação de vertigem em que tudo gira e é como perdermos o chão. quando o médico me pediu para repetir o que tinha provocado a vertigem, exclamou: você está mesmo assustada! estava a tremer, apesar de não ter consciência disso.

texto no âmbito do desafio 30 dias de escrita.

PARTICIPANTES:
Ana de DeusCristina AveiroJoão-Afonso Machado, Jorge Orvélio, José da XãMaria Araújo

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim

foto do autor

arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

wook vais ler a seguir?

Toshikazu Kawaguchi Henry David Thoreau

a livraria mais antiga do mundo, desde 1732